Carregando...

15/nov/2019

Introdução

A incidência de hérnia discal sintomática é de 1 caso por milhão de habitantes/ano no brasil. A maioria das herniações não provoca sintomas. A herniação discal torácica representa 0,25 à 0,75% de todas as protrusões discais e menos que 4% das cirurgias para hérnia de disco e 80% dos casos ocorrem entre 30 e 50 anos de idade.


15/nov/2019

Conceito

É uma herniação do rombencéfalo associada a mielomeningocele. É a principal causa de morte em pacientes com disrrafismo espinhal nos primeiros dois anos. Os sintomas variam de sutis a risco iminente de vida, requerendo muitas vezes atitudes imediatas afim de reduzir a morbimortalidade destes pacientes.


15/nov/2019

Introdução

A primeira descrição de cavitação na medula foi muito provavelmente a de Charles Estiene que viveu entre 1503 e 1564.  Já o primeiro a utilizar o termo siringomielia para designar estas cavitacões na medula foi Charles Prosper em 1827. A primeira definicão de um IV ventrículo alongado com herniacões nas tonsilas cerebelares e associados a siringomielia foi feita por John Cleland em 1883.


15/nov/2019

Introdução

Espondilose cervical é a principal causa de mielopatia em pacientes com idade acima de 55 anos. Esta patologia é o resultado da redução do espaço efetivo do canal espinhal. A história natural da doença é piora progressiva dos sintomas com comprometimento do estado funcional. O padrão mais comum de evolução é o de progressão gradual dos sintomas seguidos de períodos estáveis, ou seja, de forma escalonada.


15/nov/2019

História Neurológica

Na abordagem do paciente com dor lombar ou déficit neurológico que levante a suspeita de acometimento medular, como em todas as áreas da medicina, é essencial uma coleta adequada da história, o que direcionará as demais etapas para o diagnóstico. O raciocínio neurológico inicial visa responder às seguintes perguntas:


artrite-na-coluna-vertebral-1200x1030.jpg
15/nov/2019

Introdução

A artrite reumatóide é uma doença inflamatória sistêmica crônica que acomete cerca de 1% da população, especialmente mulheres dos 30 aos 50 anos, produzindo sinovite e inflamação articular crônica. Cerca de 85% dos pacientes com artrite reumatóide moderada ou grave apresentam envolvimento da coluna espinhal. Em 20-30% dos pacientes com artrite reumatóide ocorre envolvimento radiográfico da coluna cervical e 7-30% dos paciente com artrite desenvolvem sintomas neurológicos. Grande parte dos pacientes com dor no pescoço ou sinais de instabilidade radiográfica desenvolvem quadro neurológico. As anormalidades esqueléticas da artrite reumatóide ocorrem devido a sinovial crônica com destruição dos ligamentos da junção craniocervical e remodelamento ósseo.


hernia-de-disco-lombar.jpg
15/nov/2019

A dor lombar baixa é uma queixa extremamente prevalente, sendo uma das principais causas de atendimento médico. Embora frequente, apenas cerca de 1% dos pacientes com lombalgia apresentarão sintomas radiculares relacionados a compressão ou irritação por fragmentos discais.


hernia-de-disco-cervical.jpg
15/nov/2019

Introdução

A hérnia de disco cervical representa condição clínica frequente na população adulta dos 35 aos 60 anos causando algum tipo de dor radicular e/ou cervical em cerca de 50% dos indivíduos.

Manifesta-se como quadro álgico de evolução insidiosa associado a uma síndrome radiculomielopática decorrente, em sua maioria, de degeneração discal e alterações osteoligamentares. Produz três tipos de síndromes: síndrome radicular, medular e neurovegetativa. Quando decorrentes de processo traumático, manifesta-se de forma  aguda com  déficit mielorradicular  variável e, geralmente,  associado com sinais de instabilidade ortopédica.


Dr. José Lopes

Área de atuação em Doenças Cérebrovascular, Cirurgia Base Crânio com ênfase técnicas minimamente invasivas (Endoscopia Base de crânio e ventricular ) e Tratamento das doenças da Coluna Vertebral.

Últimas postagens

Todos os direitos reservados - 2017 © Doutor José Lopes.